Original

myfreecopyright.com registered & protected

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Horinha da cólica

dormindo no carrinho ao meu lado
Dizem que elas começam com 3 semanas, duram 3 horas e acabam com 3 meses. Tudo três.

O Lucas começou apresentar um desconforto e chorar bastante início da noite...tipo no horário do Jornal Nacional...será que ele não curte o Tio William Bonner?

E observamos e realmente ele tem muitos gases tadinho...se contorce de dor...começa durante a mamada a brigar com meu seio e chorar...e puxa já com aquelas mãozinhas tão pequeninhas e fica numa luta mesmo querendo mamar e ao mesmo tempo cansado...cheguei a pensar que o leite tava com gosto ruim! Mas são gases...ele nunca sentiu dor antes e agora descobriu que a vida não é tão fácil como era na minha barriga.
Ai dói em mim...
Então geralmente eu interrompo a mamada, dou 2 ou 3 gotinhas de Mylicon (receitado pela pediatra), o Beto embala enquanto eu preparo a roupinha do banho...depois eu pego ele de novo, coloco no trocador, dobro as perninhas em direção a barriguinha, faço "bicicleta", apelo pra massagem no sentido horário na barriguinha...todas as dicas que pesquiso ou que recebo de amigos e das twittmães de plantão da rede (muito bom viver num tempo onde podemos contar umas com as outras assim instantaneamente via internet na palma da mão)...embalo ele de bruços com a mão esquentando a barriguinha até que o Beto termine de preparar a água do banho dele e ele já esteja mais calmo. Dá um suador na gente que nossa! Tudo isso passando calma para o nenê...falando tranquilamente com ele, fazendo som de sssshhhh embalando com a luz do abajour e a tv com som bem baixinho ou desligada.
No banho ele não chora nada, adora...fica com aquele olhão aberto curtindo a água...adoro secar ele depois do banho coisa mais linda esse gurizinho...o Beto me ajuda pra gente deixar ele bem sequinho, não esquecer nenhuma dobrinha e depois vestimos ele e volto a dar o mama agora com ele mais calmo...ai ele adormece no meu peito...espero arrotar (dá cada arroto parece de adulto rs) e o deito no carrinho do meu lado.
Se possível me atiro no chuveiro pra um segundo banho do dia e depois cama! Se to muito exausta ja me jogo na cama mesmo.

Achei umas dicas super bacanas sobre ritual do sono no blog http://encantadoradebebes.blogspot.com/2010/08/ritual-do-sono.html


Ritual do sono




Ritual do sono significa fazer todos os dias a mesma coisa na hora de colocar o bebê para dormir. A mamãe (ou o papai) são os responsáveis por fazer a transição da atividade para o sono tranquilo do bebê, pois ele não tem maturidade para fazer isso sozinho.
Para bebês RNs e até 3 meses de idade, a EdB recomenda o "ritual dos 4 Ss", que é: preparar a situação, agasalhar (enrolar o bebê na manta), sentar-se (silenciosamente, sem estimulação física) e, quando necessário, silenciar e dar tapinhas. Conheça as etapas:
Preparar a situação: Seja na hora de dormir ou na soneca, você prepara o lugar onde o bebê irá dormir. Você pode fechar as janelas, deixar somente uma luz bem fraquinha no abajour (ou tudo escuro) e, o principal: tirar o bebê de um lugar agitado e levá-lo a um mais calmo, como o quarto dele FECHADO (se outras pessoas estiverem na casa). Eu também recomendo que você converse baixinho com ele, quase sussurrando, que é para ele ir sentindo o ambiente mesmo. Valorize a calma, não faça nada com pressa e tenha tranquilidade. Uma boa forma de transição é trocar a fralda, de modo que ele durma sequinho, mas deixe para lá se ele estiver sonolento e com a fralda limpa!
Agasalhar (enrolar na manta): Os antigos, as enfermeiras, todo mundo enrola o bebê na manta. E tem um motivo: eles ficam seguros, quentinhos e não despertam com os reflexos que os RNs têm, de balançar os braços e pernas sem querer e acabar acordando. Alguns bebês detestam ser enrolados na manta (como os enérgicos), mas vale a pena tentar algumas vezes para ver se o seu gosta.
Dá muito certo com o Lucas, ele se mexe muito e com o coeirinho ele fica enroladinho e seguro, mais calmo com certeza! Não desperta com os prórpios movimentos.


Sentar-se silenciosamente, sem estimulação física: Coloque o bebê no colo e sente-sa na cama ou na poltrona DENTRO DO QUARTO DO BEBÊ. Nunca faça o bebê dormir em um cômodo e depois o leve para outro. Isso irá estimulá-lo. Faça o ritual do sono já dentro do quartinho dele. Sente-se com ele sem ninar, cantar, nada. Deixe-o de pé no seu colo, no ombro, e dê tapinhas leves nas costas ou no bumbum. Se ele estiver chorando, faça ao mesmo tempo o "shhhhhhhh", como uma torneira aberta, de modo que ele tenha duas coisas para se distrair do choro (tapinhas e barulho). É necessário ter confiança no que está fazendo e insistir, pois o bebê para de chorar com essa técnica. Uma chupeta pode ajudar. Quando ele se acalmar e estiver molinho, quase adormecendo, coloque-o no berço. Tente, na medida do possível, colocá-lo antes de dormir, para ele não se acostumar a dormir no colo. Porém, naqueles dias mais "graves", não tem o menor problema se você deixá-lo adormecer no seu colo e só depois colocá-lo no berço. Pois bem, fique sentada com ele durante 5 minutos e o coloque no berço.


Silenciar e dar tapinhas: Se ele acordar ao ser colocado no berço, tente silenciá-lo fazendo o "shhhhhhhh" e dando tapinhas novamente. Se ele não parar de chorar, repita o ritual do sono. Vai ser necessário acalmá-lo. Se ele estiver chorando MUITO, considere a possibilidade de fome ou dor. Porém, às vezes o bebê chora simplesmente porque não consegue se acalmar sozinho e dormir. Se você sabe que ele mamou direitinho, está bem alimentado e não está com dor (não se contorce), coloque-o para dormir.

4 comentários:

Carla Domingos disse...

Otimas as dicas do ritual do sono. Eu enrolo o Davi na manta tb, assim ele fica seguro e dorme super bem.

Fiquei imaginando vc e o Beto cuidando dele juntos. Eu e o Abel tb fazemos assim.

Eh um momento do papai participar ativamente e ter maior contato cm ele.

bjinhos

Anônimo disse...

Vanessinha, essa vida de mãe é maravilhosa, mas como nada é perfeito existe essas "malditas, odiosas e horríveis" cólicas, passei noites horríveis com a Laurinha berrando, se contorcendo e eu desesperada de ver meu bebezinho daquele jeito! Bem no horário do "Tio Bonner", hehehehe, como o Lucas ela também não gostava do jornal!!! Ia chegando a noite e o desespero ia tomando conta de mim, com certeza isso piorava a situação. Minha mãe foi minha salvadora, vinha pra minha casa, ela é pediatra, lembra? e acalmava a Laurinha, passaram-se 2 meses e como um milagre, de um dia para o outro as colicas acabaram, nunca me senti tão feliz!!! Hoje Laurinha está com 4 meses, uma "mocinha"!!! Bjs e muito legal trocar idéias e experiências e dicas!!! Parabéns pelo filhote!!!

Anônimo disse...

Vanessinha quem escreveu o comentário acima foi eu Juliana Barichello, não sou muito experiente em postar comentários, hehehehe

projetodemae disse...

Já li bastante sobre as massagens para aliviar as cólicas do bebê. Deve ajudar, mas não adianta, acredito que o melhor mesmo é os pais manterem a calma, passarem a tranquilidade para o bebê. Beijos!